Cartilha - Como montar a UJE passo à passo em sua Cidade.
Formato
PDF - Clique aqui para baixar.

 

 

UJE-BRASIL é a idealização de um novo tipo de movimento para os jovens e estudantes, ou seja, a criação de uma linguagem e de ações que realmente atenda anseios destas duas classes que formam a maior parcela da nação brasileira, por isso, os princípios são simples, que são de, desenvolver iniciativas que envolvam os jovens e estudantes, para a conquista de uma sociedade melhor.

Mas buscar isto não foi fácil, por motivos que são óbvios para toda a juventude; o preconceito com os jovens e a falta de mecanismos legais e funcionais que possibilitem a UNIÃO destes setores,  tanto é verdade, que levou mais de dois anos para a UJE sair da condição de idéia, e ir parar no papel e conseqüentemente se tornar realidade.

E após meados de 2002, com a grande necessidade de suprir o desejos dos Jovens e Estudantes, e, com o apoio de várias entidades e agremiações de diversas partes do país, foi fundada no dia 07/09/2002 a UNIÃO DOS JOVENS E ESTUDANTES DO BRASIL, carinhosamente chamada de UJE-Brasil.

Trazendo desde sua fundação, o princípio de levar o nosso VERDE e AMARELO no lugar mais alto, através de projetos de desenvolvimento social, sustentabilidade, proteção ambiental e nunca perdendo o caráter reivindicatório dos direitos dos JOVENS e dos ESTUDANTES.

Em 2011 a UJE Brasil atua em mais de 100 cidades de 21 estados do nosso país, executando mais de uma dezena de projetos e milhares de ações de desenvolvimento e controle social.

Uma das inovações da UJE, é percebida claramente na representatividade com a divisão das classes de JOVENS e ESTUDANTES, pois nos dias de hoje, ser estudante não significa ser jovem ou vice-versa, já que o sistema educacional é continuado.

A evolução da educação e pautas de desenvolvimento social, faz surgir pautas diferentes para os jovens e estudantes, ocasionando a criação de dois setores, para que com coerência, sejam criadas as pautas reivindicatórias e ações para atender à todos com justiça social.

Sendo uma entidade de NÍVEL NACIONAL trabalhando para representar e defender os direitos seus associados bem como, criar, adotar e aplicar projetos sociais e ambientais, em um país tão grande e com tantos municípios, a UJE adota um sistema de administração bem dinâmico e organizado estruturado seguinte forma:

Diretoria Nacional: São Eleitos o PRESIDENTE, SECRETÁRIO, TESOUREIRO e 2 O VOGAIS pelo período de 4 anos; A diretoria nacional tem a função de administrar a UJE, bem como,  criar cargos e nomear pessoas para os cargos da DIRETORIA NACIONAL não eleita, das COORDENAÇÕES estaduais e municipais.

Estatutariamente existem dois departamentos obrigatórios, o Coordenação Nacional de JOVENS e de ESTUDANTES - ambos preenchidos por diretores nacionais nomeados, ou seja, DIRETOR NACIONAL DE ESTUDANTES e o DIRETOR NACIONAL DE JUVENTUDE, ambos com direito à voto.

Os cargos de diretoria nacional, bem como, os seus respectivos diretores são criados e nomeados por regulamento interno da entidade, atos garantidos pelo estatuto.

A função da direção NACIONAL da UJE é de:

  1. Administrar a UJE;

  2. Encaminhar e direcionar as discussões de nível nacional;

  3. Criar e viabilizar de PROJETOS, CAMPANHAS E AÇÕES INSTITUCIONAIS;

  4. Criar  filiais e coordenações estaduais,

  5. Garantir os direitos dos jovens;

  6. Garantir os direitos dos estudantes, como por exemplo, a MEIA ENTRADA.

VICE PRESIDENCIAS ESTADUAIS: Quando um estado atinge um número relevante de cidades com atividades ou associados à UJE, é nomeado um VICE PRESIDENTE ESTADUAL, que fica responsável pelas aplicações dos projetos e reivindicações da entidade em seu estado, bem como, a supervisão, o comando e expansão da UJE. Quando um estado não tem VICE PRESIDENTE, um diretor nacional fica responsável pelo estado. [O regulamento 001/10 designa as funções do VICE-PRESIDENTE ESTADUAL - Clique aqui para ter acesso ao documento]

O VICE PRESIDENTE ESTADUAL, tem status de diretor nacional, por isso, compõe a mesa da diretoria nacional, com direito a voto, isto faz com que a diretoria nacional fique próxima a sua base de associados.

É ainda, função de VICE PRESIDENTE ESTADUAL, auxilia na instalação e criação de COORDENAÇÕES MUNICIPAIS (NÚCLEOS DE BASE), e ajudar a coordenar os trabalhos das mesmas, que por sua vez, ficam responsáveis pelos municípios.

A Função de um VICE PRESIDENTE ESTADUAL é:

  1. Ser responsável pelas ações e reivindicações dos associados de seu estado;

  2. Criar filiais e indicar para nomeação dos COORDENADORES MUNICIPAIS;

  3. Zelar pela aplicação correta dos projetos institucionais da UJE no seu estado;

  4. Garantir os direitos dos jovens;

  5. Garantir os direitos dos estudantes, como por exemplo a MEIA ENTRADA.

COORDENAÇÕES MUNICIPAIS (Núcleos de Base): Os Núcleos de Base da UJE ou Coordenações Municipais, são as artérias da entidade, pois eles são fixados nas comunidades com a função de  executar os trabalhos da UJE, bem como, representar os associados da entidade (JOVENS E ESTUDANTES ) à nível local.

São os núcleos os responsáveis pela formação política e cultural, servindo como agente transformador do JOVEM e do ESTUDANTE.

Cada cidade tem o direito de ter uma COORDENAÇÃO MUNICIPAL ativa.

Dentro da UJE, existem 2 tipos de Coordenação Municipal:

A provisória e a regimentada.

A COORDENAÇÃO MUNICIPAL PROVISÓRIA é constituída pelo período de 6 meses, com o intuito de organizar a UJE na cidade para chamar o CONGRESSO MUNICIPAL, que realizará a eleição e a aprovação do regimento interno do NÚCLEO.

A coordenação municipal provisória é composta por 1 COORDENADOR GERAL e 1 VICE COORDENADOR. [ Para solicitar a abertura de uma COORDENAÇÃO MUNICIPAL PROVISÓRIA, basta ser associado a UJE, conhecer o regulamento 002/10, e entrar em contato conosco, clicando aqui.]

A COORDENAÇÃO MUNICIPAL REGIMENTADA é formada após eleição e aprovação de regimento interno em congresso municipal, que poderá ser chamado após o núcleo preencher os quesitos dos regulamentos 002/10 e 003/10. O MANDANTO deste núcleo é de 2 anos à partir do CONGRESSO MUNICIPAL que elegeu a COORDENAÇÃO.

O número de membros de direção, seus cargos e funções, são regimentados pelo regimento interno, dando legitimidade de representatividade para cada cidade.

E é assim que a UJE se divide, para somar forças e fazer uma entidade forte e viva, como os jovens e estudantes do Brasil. Caso você queira montar a UJE em sua cidade,  clique aqui.

Venha!

Se una a essa GALERA que faz a diferença e AJUDA a SACUDIR AS IDEIAS e RUMOS de nosso país.

Pois somos o futuro da nação!

Só o JOVEM pode mudar o Brasil.

Faça parte dessa UNIÃO